Wednesday, April 30, 2008

You'll Never Walk Alone

De fato com tanto juiz ladrão e goleiro frangueiro para ajudar. Finalmente um milagre londrino e o Chelsea vence o Liverpool em casa. Por falar em time azarado e perdedor, os Mavericks chutam Avery Johnson.

A Luta pelo Livre Mercado

Quando um país cai na arapuca da regulação, cedo ou tarde ele se encontrará em situação semelhante a do Reino Unido. É um ciclo vicioso: a regulação diminui a competição, e quanto menor a competição, argumentam os inimigos do mercado, maior a necessidade da regulação. Este caso dos supermercados ilustra a dificuldade que o Reino Unido tem em redescobrir o que seja competição que só pode ser alcançada por mercados livres, livres da intervenção governamental, livres da regulação. Por exemplo, a “Comissão de Competição” aponta dois problemas, o primeiro é o de que grandes supermercados manipulam a posse da terra para evitar a entrada de novos concorrentes locais. O segundo problema é o de que os grandes supermercados usam seu poder de barganha contra os seus fornecedores. Como sempre os burocratas [e tecnocratas que realmente acreditam que seus modelos conseguem obter uma solução centralizada que seja melhor do que a solução de mercado] confundem causas com efeitos. A manipulação do espaço urbano ocorre porque os city councils monopolizam a terra e dificultam enormemente o uso da terra para o desenvolvimento de novos negócios. Obviamente os reguladores preferem por a culpa nos supermercados do que nos governos municipais. Quanto ao problema do oligopsônio, os reguladores propõem uma excrescência burocrática, um ombudsman, para tratar das relações entre os supermercados e seus fornecedores. É óbvio e cristalino que isso só aumentará os custos de transação e nao vai resolver o problema básico de que poucos competidores entre os compradores aumenta seu poder de barganha em relação aos produtores. A solução seria um aumento da concorrência entre supermercados. Claro está que as propostas dos reguladores criará, como sempre, uma diminuição da competição e, no futuro, mais regulação. Como subproduto desse processo temos que os reguladores garantem seus próprios empregos.

Imigração para o Reino Unido

Quando 1 milhão de polacos, tchecos e outros europeus do leste migraram para o Reino Unido a partir de 2004, a reação foi um aumento da xenofobia, burocracia e discriminação. Todos os dias os jornais reportam o impacto negativo na saúde pública e o aumento nas taxas de criminalidade, sempre associando-os aos imigrantes. Dados recentes mostram que mais da metade desses imigrantes vieram, viram e foram imediatamente embora. O Reino Unido não é os EUA. O padrão de vida é baixo, os serviços públicos são de péssima qualidade e a economia, apesar de ser uma das mais “liberais” da Europa, não consegue criar empregos decentes para absorver e reter tamanho influxo populacional. O debate é tão viesado que os britânicos ainda pensam que seu país está sendo invadido por uma horde de tribos selvagens e pouco, muito pouco, se fala do fato de que o sonho da maior parte dos britânicos é dar o fora da ilha, migrar para a Austrália ou EUA. Entre os países desenvolvidos o Reino Unido é um dos que tem um dos maiores índices de emigração, com cerca de 10% de sua população vivendo em outros países.

Tuesday, April 29, 2008

O Fenômeno, da Estupidez

O milionário Ronaldo se envolve com travestis. Difícil entender a cabeça dos selvagens.

A Miséria da Regulação

O Reino Unido é um exemplo de livro texto de que regulação só funciona na cabeça dos burocratas e políticos. Quanto mais regulada uma economia, maiores os abusos das poucas empresas que sobrevivem. Mais regulação, mais oligopolização dos mercados, e quem paga a conta são os consumidores. É preciso repetir ad nauseam que regulação não substitui competição, pelo contrário, acaba com ela.

A Hegemonia Moral

Vejam a postura de Cid Gomes, irmão do paladino da nova hegemonia moral Ciro Gomes, sobre o escândalo envolvendo o jatinho pago pelo estado do Ceará para dar carona a sogra e outros apaniguados.

Os Inimigos das Tiranias

Na Venezuela os bolivarianos do palhaço de Caracas perseguem os Simpsons, no Iran os bolivarianos de Allah perseguem as bonecas Barbie.

Friday, April 25, 2008

O Melhor Emprego do Mundo

Ser pago para encher os cornos.

Argentina é Argentina

Ministro da Economia pede demissão: é o eterno retorno.

A Ilimitada Podridão

A república sindicalista implantada pelo PT está batendo todos os recordes de corrupção possível e imaginável. Todos os dias estoura um escândalo. Eles roubam e enodoam todos os lugares que ocupam. A bola da vez é o BNDES. A podridão é tão grande que parece infinita.

Picaretagem Religiosa

Picaretas, salafrários, malandros, infestam quase todas as profissões, mas não há como negar que eles preferem, particularmente, sinecuras religiosas. A explicação é bem simples, quando associados a uma religião o escrutínio e a crítica a suas atividades são naturalmente reduzidas devido `a confusão que os fiéis fazem entre o respeito `a religião e aos seus representantes. Mais um exemplo aqui.

Sunday, April 20, 2008

A Futura Guerrilha

Os comunistas e seus diletos filhos ideológicos sabem que no Brasil fazer terrorismo de esquerda dá lucro, obtendo polpudas indenizações e aposentadorias e ainda sendo considerados heróis. Como temos um governo eivado de ex-terroristas, associado a terroristas internacionais como as FARC, é muito provável que nada será feito contra esta “organização” chamada de Liga dos Camponeses Pobres. Pelo jeito na selva teremos que esperar monstruosidades pol-potianas para que algo seja feito, mas nesse caso será muito tarde..

Paraguai...

O que esperar de uma selva em que "Um ex-bispo apoiado simultaneamente pela extrema esquerda e a direita; uma mulher que representa um partido machista que está há 61 anos no poder; um ex-general que após duas tentativas de golpes de Estado decidiu conquistar o poder pela via democráticas. Esse é o insólito leque de candidatos presidenciais que disputam hoje os votos de 2,8 milhões eleitores do Paraguai".

O Aparelhamento das Universidades Brasileiras: PT e UnB

Por que as universidades públicas brasileiras são tão ruins? Por que ensino e pesquisa estão abaixo da crítica? Um dos principais fatores para explicar o péssimo desempenho acadêmico das instituições públicas de ensino superior é o aparelhamento político delas pelo PT e outros partidos de esquerda. O escândalo do PT com a Finatec associada a UnB é apenas a ponta do iceberg. A roubalheira é muito maior do que se imagina e se extende, no caso da UnB, a pelo menos desde meados da década de 80. Basta investigar seriamente para ver o oceano de lama.

Friday, April 18, 2008

Sorria, Bandido, Você Está na Selva

Esquartejador sai sorrindo do tribunal. Na selva, a justiça só serve para proteger os direitos dos criminosos.

EUA, China, India e Russia

É preciso um desconhecimento econômico profundo para acreditar que China, Índia, até mesmo a Rússia ocuparão algum dia a posição econômica americana. Os analistas que apostam no sucesso econômico desses países ignoram que o motor do crescimento é a liberdade dos mercados, o que nenhum deles tem, ou terá, comparativamente aos EUA, pelo menos num futuro próximo. Além disso ignoram os limites demográficos e os gargalos institucionais óbvios. Ian Buruma revê alguns livros sobre esse tópico.

Terror Made in UK

Finalmente condenaram essa excrescência humana, Abu Izzadeen, que usava a sociedade aberta, a democracia e a liberdade de expressão para propagar seu hate speech e criar terroristas. Notem que ele só foi pego por causa da evidência coletada por um pesquisador. Mostrando claramente as falhas do governo numa área em que o custo pode ser monumental, como o da segurança nacional. E hoje de madrugada pegaram um jovem terrorista em Bristol.

RBS, Os Sinais da Crise

Ano passado o chefe do RBS, o segundo maior banco do Reino Unido, declarou que não precisava de fundos de acionistas, hoje o banco precisa. Sinal dos tempos, ou apenas um erro crasso da diretoria? A coisa mais fascinante sobre mercados financeiros é exatamente isso. Todos os especuladores picaretas são gênios quando o mercado está subindo. Quando qualquer crise aparece, rapidamente sua incompetência monumental fica exposta e quem paga a conta, para variar, é o contribuinte.

Thursday, April 17, 2008

O País do Militão

Gravação da Operação Pasárgada envolve o juiz federal Weliton Militão no esquema de corrupção. A imprensa deve acompanhar esse caso em detalhe. Ele demonstra claramente como a corrupção no judiciário atua. Vamos ver o que os amigos de Militão e companhia, todos de rabo preso, inventarão nas cortes supremas para livrá-los da cadeia. Infelizmente, na selva, basta um argumentozinho pomposo, vazio e pretensamente jurídico, exposto por um advogado de porta de cadeia para que um outro juiz possa limpar a barra da quadrilha.

A Pesquisa na UnB

A UnB, líder em pesquisas científicas, além de usar abridor de garrafas e lata de lixo de luxo , investe também em calcinha e lingerie para aparelhar seus laboratórios...

México, Paraíso do Idiota Latino Americano

Enquanto a França representa a idiotia universal, o México continua com a coroa da idiotia latino-americana. O caso dos “estudantes” mexicanos mortos no acampamento das FARC tipifica o comportamento do México, que exigiu que a Colômbia indenizasse os familiares das vítimas. O presidente colombiano, por outro lado, diz que os estudantes eram cúmplices dos terroristas.

Uma Explicação para a Guerra do Iraque

Robert Kagan argumenta que os motivos para a guerra do Iraque são mais simples do que argumentam os críticos dos neocons.

Os Limites da Canalhice

O bolivariano xiita do Iran, Ahmadinejad, declara que o ataque de 11 de Setembro foi pretexto para invasão do Iraque e Afeganistão.

Estória Esquisita

Cada matéria nos jornais diz uma coisa diferente sobre a prisão do jornalista Roberto Cabrini.

Wednesday, April 16, 2008

David Cass

O falecimento do professor de economia da universidade da Pennsylvania é uma imensa perda para a teoria econômica. Segue uma entrevista com Cass publicada no Macroeconomic Dynamics.

Lula, Pelego ou Algo Mais?

Quando ex-aliados de Lula, como Francisco Weffort, começam a revelar os podres do ex-sindicalista e sugerir que a mal versação de recursos vem de longa data e está na massa do sangue de Lula, é sinal de que o desgoverno é infinitamente pior do que poderíamos imaginar.

O Caso da UnB

Boa coluna no Estadão sobre o caso do ex-reitor da UnB, ela arremata com: “Mulholand não teria deixado o cargo se os estudantes não tivessem se mobilizado e ocupado a Reitoria. Isso é certo. Mas não é certo, a partir daí, concluir que a punição a um reitor infrator justifica os meios utilizados pelos estudantes, ao arrepio da lei e com o uso da força, pois as “vitórias” assim obtidas tendem a ganhar momentum próprio e a desconhecer limites – como as invasões e ocupações do MST, que, socialmente aceitas no início, posto que seus fins alegadamente se justificavam, não passam hoje de um assalto contra a ordem social e jurídica da Nação".

O Capitalismo Brasileiro

O Capitalismo brasileiro é uma coisa fascinante. Vejam como um banco de investimento estatal investe em infra-estrutura.

Tuesday, April 15, 2008

O Mosquito Socialista

O PT subiu ao poder prometendo socializar o Brasil. E está conseguindo, pelo menos já socializou a dengue. Quem diria, o mosquito da dengue tem partido.

Ambientalistas e seus Erros Sistemáticos

Ambientalistas em sua luta contra o livre-mercado, comungam com os marxistas algumas táticas políticas. O discurso pseudo-científico, por exemplo. Argumentam que o aquecimento global está por trás de desastres naturais, como furacões. Assim como os marxistas, alguns de seus expoentes têm emprego em universidades – e, quando ocorre serem universidades de prestígio, podem apostar que elas ficam em Cambridge, Massachusetts ou Cambridge, Cambridgeshire - e usam suas posições acadêmicas para dar respaldo e autoridade científica a sua agenda política. O caso do professor Kerry Emanuel do MIT é exemplar. Ex-marxistas e ex-ambientalistas também têm muita coisa em comum. Tão logo se apercebem dos erros de suas antigas posições políticas e da profunda desonestidade intelectual que as cerca, eles fazem uma boa autocrítica, como, por exemplo, o ex-fundador do Greenpeace, Patrick Moore. Vejam aqui sobre Emanuel e Moore em pequenas notas logo abaixo da notícia do Obama.

Monday, April 14, 2008

Os Piores Lideres Religiosos do Mundo

Lista publicada pela Foreign Policy.

Pato Donald (Ph.D., Unifesp)

O Brasil é um país que despreza profundamente a educação. O que ocorre nas universidades públicas vai muito além disso. Não é apenas incompetência administrativa, politicagem barata aparelhada pelo petismo, e total desconhecimento do que seja ensino superior. O caso deste reitor de uma tal de Unifesp é emblemático. Parece piada, a estória é tão ridícula que fica difícil acreditar. Na UnB tivemos o caso de um reitor que investia em lata de lixo de luxo para fazer pesquisa. Nesse caso temos um reitor que vai a Disney

Reitor da UnB Renuncia

Realmente, como diz o cartaz, Obina é melhor do que o reitor. Finalmente Mulholland renuncia. Já vai tarde. Quem será o incompetente que o PT vai nomear para a reitoria da UnB.

Comédia

No Brasil, Bin Laden só seria preso com autorização do STF.

Sunday, April 13, 2008

Mais Sobre a Corrupção da Justiça Brasileira

Como dito em post ontem, se a imprensa investigar o escândalo desvendado pela Operação Pasárgada, estará fazendo um grande favor ao país. Nesse esquema está cristalino como a justiça brasileira opera e é parte integrante da corrupção que domina o Brasil. A corrupção é um câncer e a colaboração ativa do judiciário é o que permite a sua existência e seu alastramento. A decisão do TRF joga definitivamente o nome desse tribunal na berlinda, no lixo da história.

Reitor em Exercício da UnB pede Exoneração

Começou a debandada. O reitor deu uma de joãozinho sem braço e pediu licença por 60 dias, pensando que o tempo fará com que os estudantes e a imprensa esqueçam dele.

O Iraque Chega ao Iran

Parece que a minoria árabe separatista do sudeste iraniano inicia uma campanha de violência. Agora o Iran vai sentir na pele que pimenta no dos outros é refresco.

Saturday, April 12, 2008

Polícia Prende, Justiça Solta

Já estamos cansados desta palhaçada. A polícia federal faz seu trabalho e prende uma imensa quantidade de marginais travestidos de prefeitos, juízes e quejandos. E, como sempre, a justiça brasileira faz o seu trabalho: solta os meliantes para poderem roubar mais e mais. O curioso da operação pasárgada é a desmoralização do corregedor que determinou a prisão de um juiz federal, devido `a decisão do TRF afirmando que ele não tem competência para isso. Tal atitude demonstra claramente um conflito interno, onde uma minoria de juízes procura fazer o trabalho que a sociedade espera da justiça e a maioria trabalha em prol da impunidade. Se a imprensa chafurdar no lamaçal das decisões judiciais da selva, em particular nesse caso vergonhoso, vai rapidamente compreender porque a corrupção ilimitada, a desfaçatez moral, a falência das instituições públicas são inatos ao Brasil. Um país sem justiça não é país, é selva.

O Pai de Barack Obama

Ontem postamos sobre a Mãe de Barack Obama. Hoje falamos do Pai. A curiosidade se justifica pois pouco sabemos sobre o pensamento e achievements do candidato a candidato ao governo Americano. Segue o link do blog PrestoPundit com um resumo do pensamento do Pai de Barack Obama, em linha com o planejamento econômico Stalinista associado ao partido comunista. Ocioso dizer que ele era um economista treinado em Harvard. O link do blog PrestoPundit foi obtido no interessante blog Na Prática a Teoria é Outra.

"I have a copy of Barack Obama's paper here in my hand, obtained from the stacks at UCLA (see the picture above). The paper is as describe by Odhiambo and Cohen, a cutting attack from the left on Tom Mboya's historically important policy paper "African Socialism and Its Applicability to Planning in Kenya." The author is given as "Barak H. Obama" and his paper is titled "Problems Facing Our Socialism", published July, 1965 in the East African Journal, pp. 26-33.

Obama stakes out the following positions in his attacks on the white paper produced by Mboya's Ministry of Economic Planning and Development:

1. Obama advocated the communal ownership of land and the forced confiscation of privately controlled land, as part of a forced "development plan", an important element of his attack on the government's advocacy of private ownership, land titles, and property registration. (p. 29)

2. Obama advocated the nationalization of "European" and "Asian" owned enterprises, including hotels, with the control of these operations handed over to the "indigenous" black population. (pp. 32 -33)

3. Obama advocated dramatically increasing taxation on "the rich" even up to the 100% level, arguing that, "there is no limit to taxation if the benefits derived from public services by society measure up to the cost in taxation which they have to pay" (p. 30) and that, "Theoretically, there is nothing that can stop the government from taxing 100% of income so long as the people get benefits from the government commensurate with their income which is taxed." (p. 31)

4. Obama contrasts the ill-defined and weak-tea notion of "African Socialism" negatively with the well-defined ideology of "scientific socialism", i.e. communism. Obama views "African Socialism" pioneers like Nkrumah, Nyerere, and Toure as having diverted only "a little" from the capitalist system. (p. 26)

5. Obama advocates an "active" rather than a "passive" program to achieve a classless society through the removal of economic disparities between black Africans and Asian and Europeans. (p. 28) "While we welcome the idea of a prevention [of class problems], we should try to cure what has slipped in .. we .. need to eliminate power structures that have been built through excessive accumulation so that not only a few individuals shall control a vast magnitude of resources as is the case now .. so long as we maintain free enterprise one cannot deny that some will accumulate more than others .. " (pp. 29-30)

6. Obama advocates price controls on hotels and the tourist industry, so that the middle class and not only the rich can afford to come to Kenya as tourists. (p. 33)

7. Obama advocates government owned and operated "model farms" as a means of teaching modern farming techniques to farmers. (p. 33)

8. Obama strongly supports the governments assertion of a "non-aligned" status in the contest between Western nations and communist nations aligned with the Soviet Union and China. (p. 26)"

Socialismo Real

"A person cannot choose to whom their organ can be given when they die; nor can their family" Adrian McNeil, Human Tissue Authority chief executive.

A Mensagem de Kennedy

Vejam este curioso artigo de Kennedy Alencar atacando Dilma, onde diz, entre outras coisa que: "Esse escândalo teve uso da máquina pública para luta política, mas não teve ladroagem, como no mensalão. No mensalão, o PT fez aliança com um bandido para consertar um buraco em suas finanças e aliciar parlamentares venais no Congresso. Ou será que Marcos Valério arrumou dinheiro para o PT porque acreditava na causa? O PT cuspiu na própria história". Qual o recado que Alencar esta querendo dar?

Por Que Há Mais Esquerdistas nas Universidades?

Essa pergunta é equivalente a perguntar por que há um menor número de estudantes conservadores perseguindo uma carreira acadêmica? A resposta encontrada no trabalho dos Woessners, um casal de pesquisadores, é a seguinte: "Liberals say conservatives want to make more money than professors earn, while conservatives argue that they get less encouragement from professors than liberal students do. What the Woessners found, though, is that those are not the only reasons. They looked at a 2004 survey of 15,569 college seniors completed by the University of California at Los Angeles's Higher Education Research Institute. That research showed that while liberal students were more likely than conservative students to have contact with professors outside the classroom and to do research with them, the difference was not enough to explain why so many more liberal students wanted to pursue Ph.D's.
Instead the Woessners looked at differences in interests and personality. They found that in a variety of ways, conservative students were less interested than liberals in subject matter that often leads to doctoral degrees, and less interested in doing the kinds of things that professors spend their time doing.
For example, liberal students reported valuing intellectual freedom, creativity, and the chance to write original work and make a theoretical contribution to science. They outnumbered conservative students two to one in the humanities and social sciences — which are among the fields most likely to produce interest in doctoral study. Conservative students, however, put more value on personal achievement and orderliness, and on practical professions, like accounting and computer science, that could earn them lots of money.
The Woessners also found that conservative students put a higher priority than liberal ones on raising a family. That does not always fit well with a career in academe, where people often delay childbearing until after they earn tenure.
The research led the Woessners to conclude that if higher education wants to attract more conservatives to the professoriate, it should smooth the way financially, offering subsidized health insurance and housing for graduate students, and adopting family-friendly policies for professors"

Cérebro e Matemática

O ensino e a matemática moderna estão em conflito com o funcionamento do cérebro?

Friday, April 11, 2008

Tribalismo, Islam e Terrorismo

Uma nova e potencialmente interessante abordagem ao terrorismo que tira o Islam de foco e analisa o papel das tribos na violência. Como diz Stanley Kurtz sintetizando o argumento do livro de Philip Carl Salzman, Culture and Conflict in the Middle East: "Universal male militarization, surprise attacks on apparent innocents based on a principle of collective guilt, and the careful group monitoring and control of personal behavior are just a few implications of a system that accounts for many aspects of Middle Eastern society without requiring any explanatory recourse to Islam. The religion itself is an overlay in partial tension with, and deeply stamped by, the dynamics of tribal life. In other words--and this is Salz-man's central argument--the template of tribal life, with its violent and shifting balance of power between fusing and fissioning lineage segments, is the dominant theme of cultural life in the Arab Middle East (and shapes even many non-Arab Muslim populations). At its cultural core, says Salzman, even where tribal structures are attenuated, Middle Eastern society is tribal society".

O Leninismo e a Falta de Vergonha na Cara

Ministro da justiça defende a manufatura de dossiês. Os fins justificam os meios. Sem comentários, só na selva uma coisa dessas pode acontecer.

A Mãe de Barack Obama

Lendo esta estória pode-se perguntar como ele não acabou vendendo crack nos ghettos...

Aquecimento Global e Dengue

Impagável! Secretária de saúde de Araraquara diz que o surto de dengue se deve `a “situação climática”. Daqui a pouco a marginália petista vai adaptar o argumento e dizer que a roubalheira é uma epidemia causada pelo aquecimento global...

Imigrantes Ilegais Brasileiros

Blitz em Lisboa para identificar e expulsar brasileiros ilegais. Atos como esse tendem a aumentar em frequencia no futuro. Todos perdem, e para variar os barbudinhos delicados do Itamaraty lavam as mãos. Brasileiro no exterior já virou sinônimo de prostituição e tráfico de drogas.

Thursday, April 10, 2008

E o Cangaceiro da UnB Não Renuncia

Ao invés disso pede afastamento do cargo por 60 dias.

No Caminho da Servidão

O MEC, refletindo a ânsia pelo poder do PT, não está preocupado com a educação no Brasil. Está mais preocupado em controlar e aumentar o poder através da obtenção de informações sigilosas dos estudantes. Um absurdo, uma vergonha, mas na selva todos ignoram, pois educação nunca teve e terá valor algum.

Theroux e Naipaul

Impressionante o ódio de Paul Theroux a V.S. Naipaul, esse feudo nunca vai terminar...diz Theroux: "I wanted to write about his cruelty to his wife, his crazed domination of his mistress that lasted almost 25 years, his screaming fits, his depressions, his absurd contention that he was the greatest writer in the English language (he first made this claim in Mombasa at the age of 34). “I am a new man,” he assured me once, “as Montaigne was a new man.” But did Montaigne frequent prostitutes, insult waiters and beat his mistress?"

Nunca Antes Nesse País

Se roubou tanto. Vamos ver em quantos minutos esses bandidos serão soltos para poderem gastar todo o dinheiro público roubado.

Só Mesmo na América Latrina

Missa é celebrada em Cuba para pedir liberação de Betancourt.

Como Perder uma Guerra

Este episódio em Basra no qual as tropas Britânicas foram ignoradas é um capítulo de livro texto de como perder uma Guerra. Além de ser mais uma humilhação para o governo Brown, ele mostra que força com falta de planejamento, hierarquia e diplomacia levam sempre ao mesmo resultado: derrota.

Wednesday, April 9, 2008

CORECON em Goiânia e o Encontro dos Pensadores Liberais

O Selva Brasilis tem criticado os Corecons no que se refere a compulsória anuidade a ser paga por quem quer que deseje exercer a profissão de economista, assim como a atitude de algumas de suas lideranças. Todavia o SB confessa a total surpresa com o CORECON de Goiânia que disponibilizou uma sala para o Encontro dos Pensadores Liberais organizado por Adolfo Sachsida. Parabéns ao CORECON goiano pela atitude!

A Hora do Cangaceiro da UnB Vai Chegar

Procuradoria e Ministério Público do DF denunciam reitor da UnB por improbidade.

Anti-Terror no Reino Unido

Artigo de Gareth Peirce no London Review of Books sobre a posição dos Muçulmanos no Reino Unido. Escreve o autor: "December 2001 did not in fact mark the beginning of Britain’s official interest in men described as ‘Islamists’, since some from Egypt, Jordan, Tunisia, Libya and Algeria who were in this country as refugees had long been the subjects of complaints to the UK by the regimes they had fled. After 9/11, however, Tony Blair professed a desire to stand ‘shoulder to shoulder’ with President Bush. It would have been difficult to match Bush’s executive onslaught on constitutional rights in the US, by means of the Patriot Act; the designation of ‘enemy combatants’ and their detention by presidential order; the abolition of habeas corpus; the subjection of detainees to torture in Afghanistan and Guantánamo or their unofficial outsourcing via rendition flights to countries specialising in even more grotesque interrogative practices, many of them those same regimes which had pressured the UK to take action against their own dissidents. Claiming that a parallel emergency faced Britain, Blair bulldozed through Parliament a new brand of internment. This allowed for the indefinite detention without trial of foreign nationals, the ‘evidence’ to be heard in secret with the detainee’s lawyer not permitted to see the evidence against him and an auxiliary lawyer appointed by the attorney general who, having seen it, was not allowed to see the detainee. The most useful device of the executive is its ability to claim that secrecy is necessary for national security. Each of the dozen men snatched from his home on 17 December 2001, and delivered to HMP Belmarsh, expressed astonishment: first at finding himself the object of the much trumpeted legislation and, second, at discovering who his fellow detainees were. Each asked why, if he was suspected of activity linked to terrorism, he had never been questioned by police or the Security Services before it was decided that he was a ‘risk to national security’. The sole activity which some speculated might be the reason for their detention was their attempt to support Chechens when in 1999 their country was the subject of a second brutal invasion by Russia. But thousands of others had acted similarly, and such support was not unlawful".

Visa para Imigrantes

Problemas com o visa H1B para os EUA por causa do lobby pelos imigrantes ilegais.

Tuesday, April 8, 2008

A Ilusão do Conhecimento

A maioria dos economistas padece da ilusão de que sabe alguma coisa, de que suas idéias podem controlar mercados e decisões individuais. Padece também de uma doença mais séria: a da certeza ex-post, como se tivesse antevisto os problemas. Agora que a crise explodiu começam a pipocar críticas a Greenspan e ao FED, que antes eram considerados exemplos de bom gerenciamento. Uma parte dos economistas clama por maior controle e fiscalização dos mercados financeiros, como se o controle e ingerência per si fossem suficientes para consertar as falhas desse mercado e problemas informacionais inerentes a ele. Outros, exageradamente arrogantes e pretensiosos, acham que suas idéias algum dia conseguirão eliminar o risco e a incerteza associados `as decisões econômicas. A falta de honestidade intelectual é tão grande que chega a ser repugnante.

Ciro, o Representante

Pobre do país que tem um Ciro Gomes como político. O eterno candidato `a presidência da república e pau pra toda obra do lulismo, sai agora em defesa da Dilma, usando a velha tese da politicalha nordestina de que a imprensa paulista manipula as notícias.

Rouba E Não Faz

Já foi o tempo em que na selva politico dizia que roubava mas fazia. Hoje, liderado pelo achincalhamento do poder público levado adiante pelo PT e quejandos, temos o rouba e não faz. De alguns ouvimos falar apenas indiretamente pelas colunas policiais. Vejam este curioso caso em Rondônia.

Sururu Formado

O pau come solto na reitoria da UnB. Esses estudantes da UnB estão surpreendendo, só falta gritarem: "Tirem as mãos do Tibet!"

Monday, April 7, 2008

Entrevista com Arrow

Entrevista com o grande economista Kenneth Arrow.

Dengue: De Quem é a Culpa?

Se alguém conseguir decifrar o que esta especialista está tentando dizer, avise.

FHC Ataca Lula

FHC ataca Lula e diz: "Temas que, ultimamente, têm sido francamente desanimadores para quem acredita que a política não se limita a uma luta mesquinha pela conquista e preservação do poder. Causa-me repulsa a falta de compromisso com a verdade dos fatos, a desonestidade intelectual e, principalmente, o tratamento cínico dispensado a indícios graves de improbidade na administração pública e a benevolência com que são tratados infratores amigos ou aliados. Como ainda agora no episódio dos cartões corporativos. A insensibilidade do presidente e de seu governo é tanta que pouco se lhes dá a opinião pública. Com a popularidade inflada pelos bons ventos da economia, joga-se irresponsavelmente com a idéia de que a preocupação com a moralidade pública e o respeito à lei é coisa de elite branca que tem tempo para ler jornal".

Sunday, April 6, 2008

Peter Principle em Ação

Dilma nomeia sua serviçal, Erenice, para uma sinecura no BNDES. Depois de fazer as contas dos gastos do ex-presidente FHC, ela vai verificar as contas do BNDES. Com tanta competência para fazer contas, nesse governo meritocrático ela vai acabar promovida a presidente do BACEN ou talvez professora titular no IMPA.

Go Tahs!

Bela surra dos Warratahs sobre aquele timinho asqueroso dos Blues, com um partidaço de Lote Tuqiri. Enquanto isso na Heineken cup Munster detona Gloucester num show de rugby, com Paterson desperdiçando três pênalties e Doug Howlett mostrando porque é um dos melhores jogadores do mundo.

Morre Heston Defensor da Liberdade

Charlton Heston morre aos 84 anos.

April is the Cruellest Month

T.S. Eliot está certo.

Saturday, April 5, 2008

Jihad

Excelente artigo sobre Jihad escrito por Thomas Hegghammer. Entre outros penetrantes insights temos o seguinte: "From a historical perspective, this ignorance about the enemy makes the war on terror unique. Rarely have so many resources been deployed on the basis of such a vague understanding about who the enemy is and how it functions. We should perhaps not be surprised that al-Qaeda’s top two leaders are still at large, that new jihadist organizations proliferate, and that anti-Americanism in the Muslim world is at a record level. Of course, there have been successes, and many of the criticisms of the war on terror are unfair".

Aquecimento Global

O aquecimento global esqueceu de Duluth.

Economista do Epea

A turma do jabá campineiro deita e rola no antigo Ipea, hoje corretamente conhecido como Epea. Como não conseguem entender de economia, tudo vira um problema pulítico. Vejam este tosco exemplo de marxismo made in Unicamp.

Thursday, April 3, 2008

No Caminho do Careca ao Cazzo

O excelente blog o Caminho do Careca não tem apenas literatura de primeira qualidade, mas também um novo link com música da melhor procedência e qualidade, além de links para outros blogs interessantes, entre eles um de professores de sociologia da UFPE e da UFPB chamado Que Cazzo é Esse, com link permanente ao lado.

Azevedo x Noblat

Excelente o cascudo de Reinaldo Azevedo em Ricardo Noblat.

O Enorme Custo dos Sindicatos

Venda da Alitalia para KLM-Air France falha por causa dos sindicatos. Como dizem os economistas de porta de cadeia: "é tudo um problema pulítico".

Gênio da Natureza

Ozzy Osbourne: “Chuto minha mulher mas não meus cachorros”.

Nas Oitavas

Com a melhor campanha do campeonato, Flu passa as oitavas da Copa Libertadores.